fbpx
About Us
Lorem Ipsum is simply dummy text ofering thetonat sunrising printing and typesetting industry seo is partysipati carma. Lorem Ipsum is simply dummy,
Follow Us
SIGA A VILA NAS REDES SOCIAIS

Blog

Paciente da Vila São Cottolengo realiza sonho de colocar aparelho nos dentes

No Dia Mundial da Saúde Bucal (20/03), trouxemos para você o sonho e a história da paciente Rita de Cássia Santana, do Núcleo de Integração e Convivência, da Vila São Cottolengo. O sorriso de Rita mudou, literalmente, após a realização do seu sonho.

Você quer saber como o sonho da Rita foi realizado? Então continue na leitura do artigo de hoje e veja como a felicidade pode ser encontrada nas coisas mais simples da vida.

Rita de Cássia é paciente da Vila há 20 anos. Hoje, com 35 anos de idade, tem a Vila como o seu lar e sua família. A paciente era moradora de rua em Brasília (DF) e , hoje, conta como é viver na instituição:

“Eu me sinto bem aqui na Vila, muito melhor que a rua. Eu não gostava de ser moradora de rua. Aí, minha mãe morreu de câncer e eu vim para cá. Agora aqui eu sou bem cuidada”.

Um novo sorriso

Quando Rita ficou sabendo que iria “dar entrevista para o site da Vila”, não hesitou: se arrumou toda e ficou esperando 1 hora antes do horário marcado. “Na hora que eu fiquei sabendo eu já quis logo ficar pronta”, conta entusiasmada.

E movida por esta inocente e sincera vaidade, Rita sonhava também em colocar aparelho ortodôntico para corrigir, segundo ela, o seu sorriso torto. “Eu não gostava do meu sorriso”, diz”.

O sonho realizado

Paciente Vila

O responsável por realizar o sonho de Rita é um dos odontólogos da Vila São Cottolengo, Dr. Wanderson Silva Barros. Ele conta que, quase todos os dias, Rita ia ao consultório dizer que gostaria de colocar aparelho, até que um dia, enxergando a necessidade, o procedimento foi realizado.

“Todo dia que ela me via, ela falava: e o meu aparelho?”, lembra Wanderson.

Já Rita conta que ficou muito alegre e que doeu “só um pouquinho”, mas que o “médico era muito legal”.

A sensação de alegria e satisfação também contagiou o profissional que realizou este sonho: “Ela ficou feliz, olhava no espelho toda hora! E para mim também foi uma realização porque são casos que a gente faz que não são pelo dinheiro, na verdade, a gente ganha mais que o dinheiro”, ressalta Dr. Wanderson.

O profissional fala ainda sobre o papel social que a Vila desempenha com este pacientes: “Nós precisamos cuidar daqueles que não têm recursos para isso, precisamos entender as suas necessidades. Aqui, muitos não sabem, sequer, dizer que estão com dor de dente, por exemplo, batem com a mão no rosto para mostrar.  E nós estamos aqui por eles”, afirma.

E tudo isso vai ao encontro da missão da Vila São Cottolengo: a de promover vida com qualidade para a pessoa com deficiência. Afinal, para muitos, ir ao dentista pode ser uma situação corriqueira, mas saindo-se da “bolha”, percebemos que ir ao dentista pode até mesmo ser um sonho realizado.

Quando questionada como se sentirá após retirar o aparelho, Rita humilha: “Vou ficar um nojo”.

Faça parte

Se você você gostou da história da Rita e quer colaborar para que outros sonhos de mais pacientes sejam realizados, participe do nosso Projeto Amigo do Bem e ajude a escrever esta história de amor e dedicação ao próximo.

Carolina Simiema

Sem Mensagens

Deixe uma Mensagem