fbpx
About Us
Lorem Ipsum is simply dummy text ofering thetonat sunrising printing and typesetting industry seo is partysipati carma. Lorem Ipsum is simply dummy,
Follow Us
SIGA A VILA NAS REDES SOCIAIS

Blog

Vila São Cottolengo intensifica medidas de prevenção contra a Covid-19

Estamos vivendo um momento delicado em virtude da pandemia do Novo Coronavírus. A Vila São Cottolengo é uma instituição de saúde em que os protocolos e medidas preventivas já fazem parte, diariamente, da rotina de trabalho.

Mas cumprindo a necessidade de adotar novos processos que visam à contenção e controle da disseminação do vírus, zelando pelo bem-estar e saúde dos pacientes, colaboradores e visitantes e, embasados no Decreto 9633, de 13 de março de 2020, o qual institui situação de emergência na Saúde Pública no Estado, a Vila São Cottolengo implementa novos protocolos preventivos, a saber:

  1. As visitas internas estão suspensas por tempo indeterminado;
  2.  Os agendamentos de visitas estão suspensos por tempo indeterminado;
  3. As vendas no Bazar da Terê estão suspensas por tempo indeterminado;
  4. As aulas escolares no Centro de Ensino Especial São Vicente de Paulo estão suspensas pelo prazo de 15 dias, contados a partir de do dia 16/03/2020, podendo tal paralisação ser prorrogável a depender da avaliação da autoridade sanitária do Estado;
  5. O atendimento no Centro Médico e as terapias no CER III estão suspensas pelo prazo inicial de 15 dias, contados a partir do dia 23/03;
  6. A Central de Doação funcionará normalmente para recebimento de doações de alimentos, produtos, materiais, vestuário e equipamentos;
  7. As doações em dinheiro deverão ser direcionadas para a recepção central.
Vila São Cottolengo limpeza

Colaboradora do Serviço de Higienização e Limpeza (SHL) higienizando o corrimão.

Rotinas de higiene intensificadas

Neste momento de dificuldade para todos, a instituição está intensificando ainda mais as rotinas de higiene, ampliando a frequência de limpeza de pisos, corrimãos, maçanetas e banheiros com álcool 70%. Além disso, foram disponibilizadas pias em locais estratégicos da instituição e renovados todos os dispensadores de álcool 70%.

A enfermeira coordenadora da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), Lidiane Castro, explica que o órgão é responsável por direcionar os serviços que devem ser desenvolvidos na instituição a fim de evitar infecções relacionadas à saúde, bem como normas, rotinas e procedimentos seguros para a saúde dos pacientes, profissionais e visitantes.

Segundo ela, a “CCIH sempre manteve seus protocolos ativos, com o foco na segurança do paciente, minimizando o risco de infecção”.

No atual cenário de pandemia pelo Coronavírus SARS-COV-2, que causa a doença COVID-19, Lidiane enfatiza ainda que a instituição está seguindo, rigorosamente, as orientações municipais, estaduais e federais por meio das recomendações da Organização Mundial de Saúde.

“Neste momento, estamos intensificando a informação a todos, traçando medidas junto à Direção, com o foco na prevenção da doença aos nossos pacientes, bem como planejando ações assistenciais para enfrentar a doença”, afirma Lidiane.

Doações para a Vila São Cottolengo

doações Vila São Cottolengo

Produtos que chegam à Central de Doação.

Apesar deste contexto, a Vila São Cottolengo tem uma missão a continuar: cuidar de seus pacientes. São mais de 300 internos que dependem da instituição em todos os aspectos e, portanto, precisam também da ajuda de pessoas solidárias.

Não deixe de fazer a sua doação, a nossa Central de Doação continua em funcionamento, intensificando os protocolos preventivos, mas preparada para receber a sua importante ajuda, como alimentos, produtos, materiais, vestuário e equipamentos.

Além disso, você pode doar também por meio de uma das nossas contas bancárias ou tornando-se um doador mensal pelo projeto Amigo do Bem.

O coordenador do departamento de Mobilização de Recursos, setor responsável pelos projetos de arrecadação de recursos para a instituição, Carlos Tolêdo, atenta para a importância de, mesmo em situações como a atual, não deixar morrer a solidariedade:

“Doar é acreditar em um mundo melhor a partir de uma atitude pessoal a uma causa que acreditamos. Outro dia perguntei a um doador da Vila o que motivava sua atitude. Ele foi direto: “Pra mim é uma obrigação”. Para ser mais direto ainda, acredito sim, que a doação é uma obrigação, pois nós temos o dever de fazer o bem, mas antes é uma causa a qual quem doa também é beneficiado pela satisfação de saber que promove a transformação de vidas”, pontua.

Tolêdo finaliza fazendo um pedido: “Se você acredita no propósito de fazer acontecer dias melhores para os internos da Vila, abrace a causa, e nós estaremos de braços abertos para receber sua doação e promover menos desigualdade e uma sociedade mais justa e fraterna”.

Para mais informações, entre em contato pelo (62) 3506 9000

Carolina Simiema

 

 

4 Comments

Deixe uma Mensagem