fbpx
About Us
Lorem Ipsum is simply dummy text ofering thetonat sunrising printing and typesetting industry seo is partysipati carma. Lorem Ipsum is simply dummy,
Follow Us
SIGA A VILA NAS REDES SOCIAIS

Blog

De piquenique à carreta: Semana da Pessoa com Deficiência já deixa saudades

Chegamos ao fim de uma semana superespecial para os nossos pacientes, a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência. A programação foi repleta de atividades em todas as unidades durante todos os dias da semana (de 24 a 28) e envolveu os profissionais de diversas equipes.

Entre as comemorações e atividades desenvolvidas, tivemos a inauguração da nova Unidade João Paulo, piquenique, dia da beleza, festa de aniversário, atividades de pintura, musicais, pipa, carreata e muito mais. Foi uma semana para lá de intensa para os 334 pacientes da instituição.

“Foram momentos de muitas atividades, muito produtiva, momentos para despertar a criatividade dos nossos pacientes, para resgatar as suas histórias, memórias afetivas”, diz a gerente da Equipe Multiprofissional, Miriam Kuhn.

Reprogramação das atividades

atividades vila são cottolengo

Este ano, devido à pandemia, as atividades foram readequadas para que pudéssemos celebrá-las com maior segurança para os envolvidos e, principalmente, para os pacientes. Por isso, cada unidade desenvolveu separadamente suas atividades. Antes, um grupo de pacientes era levado para a Praça da Amizade, onde ali participavam juntos, durante a semana, de todas as atividades.

“A semana da pessoa com deficiência é trabalhada sempre com muito amor. E, na verdade, ela só é uma amostra daquilo que a gente tem que fazer todos os dias por eles. E a gente precisava fazer algo para alegrar os meninos, para demonstrar a importância deles e o significado desta semana, mesmo diante da pandemia”, relata a gerente das unidades da Vila São Cottolengo, Geana Tomaz.

Para Miriam, a readequação das atividades em virtude das medidas de distanciamento surtiu também um ponto positivo: “Foi uma maneira que encontramos de contemplar a todos os pacientes e não apenas um grupo que iria para a Praça. Assim, envolvemos todos os pacientes e também incluímos mais profissionais nas atividades. Eu diria que não foi menos intenso do que nos outros anos”, avalia.

Carreata

carreata vila são cottolengo

O último dia de atividades da semana se encerrou com uma carreata das professoras do Centro de Ensino Especial São Vicente de Paulo. Ao todo, 27 docentes participaram da atividade, que percorreu por todas as unidades da instituição. As professoras foram recebidas pelos meninos e meninas que ficaram à frente das unidades com balões e aplausos.

“Foi uma maneira que encontramos de nos aproximar dos alunos e alunas, já que as aulas seguem suspensas. Eles sentem falta e nós sentimos mais ainda”, afirma Irmã Luzia Barbosa, diretora da escola.

 

Carolina Simiema

 

Sem Mensagens

Deixe uma Mensagem